Devolvam a graça do meu grenal

30/07/2013
Decisão da BM deixa Grenal de uma só cor - Foto: Divulgação

Decisão da BM deixa Grenal de uma só cor – Foto: Divulgação

Leia também: POR UM GRENAL COM AS DUAS TORCIDAS

Passei o dia tentando digerir a manchete dos sites esportivos e chamadas no Facebook. Sério mesmo que embora eu tenha a noção de que não se pode passar em branco a decisão da Brigada Militar em relação ao Grenal 397. O primeiro Grenal da Arena. A primeira vez em que o Internacional entraria no gramado do novo estádio do arquirrival.

Entrada adiada: Grenal de torcida única. O que dizer? A marginalidade venceu, visto que a afirmação da polícia é que não teria condições de dar segurança aos torcedores do Inter no deslocamento até o palco da partida. A falta de espírito esportivo?

Sete anos – hoje – se passaram desde que banheiros químicos pegaram fogo no Beira-Rio. Na época vi muitos gremistas indignados pelos atos de seus próprios torcedores. Hoje, ao ver declarações de ambos os lados à união de opiniões prevalece: Grenal é muito mais bonito quando a gente olha e vê aquele colorido, aquela divisão forte entre uma cor fria e uma cor quente: ambas fortes e vibrantes.

E o pior: a tendência é de que essa situação se repita quando o mandante for o colorado. Acabaram com o brilho de um daqueles que eu considero o maior evento dessas bandas daqui. No entanto, não posso encerrar sem a pergunta: e você, o que acha? A culpa é de quem? Brigada? Torcida que não sabe se portar? MP que acatou?

Só sei que queria a graça do meu grenal de volta.

Anúncios

Falha no planejamento

28/07/2013

A verdade é que ninguém imaginava que o Inter perderia pro Náutico, ainda mais por 3 a 0.

Mas o PRÓPRIO Inter não poderia pensar assim.

D’Alessandro e Fabrício forçaram o terceiro cartão amarelo contra o SPFC. Damião e Índio foram preservados.

Tudo isso por causa do GRE-NAL.

Os três pontos do clássico são garantidos? Não, mas os de hoje poderiam ser.

Clássico é clássico! Todo mundo sabe que não há favoritos.

Enfim, deu problema no planejamento.


Hora de contratar

08/07/2013

Tá mais do que provado que para ser campeão brasileiro é preciso ter um grupo forte.

Todo ano o Inter é candidato ao título. Mas é bem verdade também, que faz tempo que não vê a cor dessa taça.

Já se foi Fred, Moledo… e até agora, só desembarcou o Jorge Henrique.

Tudo bem que o campeonato está no início, mas o Inter já perdeu pontos preciosos.

D’Alessandro deu a letra: é preciso contratar.

Acredito que dinheiro não falta, né? Afinal, o colorado fez um bom caixa com as últimas negociações.

O que falta então? Opções ou competência da diretoria?

Já passou da hora de reforçar o elenco.

Caso contrário vai ficar no quase mais uma vez.


Mudança de ares!

02/07/2013

Na última semana antes da retomada do Campeonato Brasileiro o Internacional vai fazer um trabalho em um Hotel Fazenda em Viamão, região metropolitana de Porto Alegre. O técnico Dunga levou o grupo para lá e na tarde dessa segunda-feira já começou a encaminhar o time que enfrentará o Vasco no próximo domingo, no Estádio Centenário, em Caxias do Sul.

Foto: Site oficial / Inter

Foto: Site oficial / Inter

Nesse primeiro treino, Dunga não contou com três atacantes do grupo: Leandro Damião ainda se recupera de uma lesão na coxa, Caio está se recuperando de uma cirurgia no dedo mínimo do pé e o atacante Gilberto que está com uma lesão na planta do pé esquerdo. Além deles, o volante Ygor também não esteve presente devido a um desconforto na panturrilha, assim como o meia-atacante Otávio que tem uma lesão muscular na coxa.

Forlán, que estava com a seleção uruguaia disputando a Copa das Confederações, está com casamento marcado para amanhã. Com isso, o jogador recebeu liberação para viajar para Montevidéu e só se reapresentará ao clube na sexta-feira.

Para o jogo contra o Vasco Dunga já tem um desfalque confirmado. O volante Willians cumprirá suspensão automática por ter recebido o seu terceiro cartão amarelo na partida contra o Cruzeiro.


Julio Baptista, o protagonista

01/07/2013

O Campeonato Brasileiro já está aí mais uma vez e o Inter não pôs fim a uma das suas mais longas novelas: Julio Baptista.

A novela não chega ao fim.

A novela não chega ao fim.

E hoje pela manhã o jornal Málaga Hoy publicou uma entrevista com o meia, onde ele nega qualquer pedido por rescisão amigável de contrato com o clube espanhol: “Não estou sabendo nada. A única razão que tenho para voltar é para fazer a apresentação, a pré-temporada e passar nos exames médicos. Tem que ver quem é a pessoa que disse que vou rescindir.”

Na entrevista, Júlio Baptista afirma que as tratativas com o Inter não passam de especulações e que ele irá retornar ao clube com o qual ainda tem contrato por mais uma temporada: “Se chegar alguma proposta ao meu empresário, ele vai avaliar se aceita ou não. Mas ainda tenho contrato por mais um ano.” No entanto a sua saída do Málaga é quase certa. Julio teve o seu rendimento prejudicado por lesões na última temporada e não voltou a ser o mesmo depois da sua recuperação e com a má fase financeira do time espanhol, para o meia não deixar a equipe teria que aceitar uma redução salarial, o que não estaria nos seus planos.

Nas últimas semanas, quando o Inter esteve mais perto de um acerto com o atleta, a cúpula diretiva do colorado deixou claro que para a negociação seguir em frente seria fundamental que houvesse a rescisão de contra de Julio com o Málaga.

Agora resta saber se ele deu a entrevista por uma questão de despiste, para abafar a negociação, tirar o foco da imprensa, ou se realmente não houve tratativa com o Inter… Enfim, a novela ainda não chegou ao seu capítulo derradeiro.


Início de Brasileiro e Contratações

05/06/2013

Não sei qual o tom que deveria usar neste post…
Este início de Brasileiro me deixou confusa em relação ao time colorado.
Eu acredito que temos uma excelente comissão técnica, um bom time e um grupo razoável.
Temos condições de fazer um campeonato brasileiro de razoável para bom somente com o que já está aí.
Mas os jogadores tem períodos de desatenção que tem sido mortais para nossos jogos.
Em 2 jogos contra os baianos, deixamos escapar 5 pontos que podem vir a fazer falta lá na frente. Em não porque tenhamos jogado mal. Não. Em ambos os jogos, jogamos mais e melhor que nossos adversários. Mas em poucos minutos de desatenção, em ambos os jogos levamos 2 gols… e não conseguimos a virada.
Por isto que eu não sei o tom que usar para este post…
Se levo em consideração o resultado, devo ficar preocupada.
Se levo em consideração a atuação e a possibilidade de crescimento, fico com esperança de bom campeonato.
Hoje a noite, jogo contra a Portuguesa – espero que me mostre o tom!
E espero que o tom seja o da esperança!
Para finalizar… Inter está se mexendo em relação à reforços. O primeiro, me agradou.
Gosto do futebol do Jorge Henrique. E acredito que o Dunga e o Paixão consigam mantê-lo na linha.
Minha escalação ideal (com o que temos no grupo HOJE, com os jogadores das seleções e os lesionados, todos disponíveis):
Muriel. Gabriel, Moledo, Juan e Kleber. Williams, Fred, Jorge Henrique, D’Ale e Forlán. Damião.
Escalação de hoje tem um ataque todo reserva… e que não dá muita confiança na torcida. Mas uma hora eles tem que desencantar… Que seja HOJE!
#VamoInter

Levantando a bandeira colorada,
Luciana Michel


Proust!

25/05/2013
Divulgação

Divulgação

Para os amantes do mundo da bola hoje é praticamente uma quermesse. Mais cedo da tarde temos final na Champions. Apesar de o jogo ser em Londres, uma final que justifica o termo quermesse usado ali em cima: A Alemanha sambou na cara de todo mundo e vai marcar presença com Dortmund e Bayern de Munique.  O  Dortmund é o “azarão” da competição, ninguém contava que passaria da semi, muitos alias já contavam com a eliminação até antes disso… Mas quem tem Lawandowski na frente não se acovarda. O Bayern por sua vez já esperava por esse momento desde o ano passado, quando a final foi disputada em sua casa. Em minha opinião um dos times mais completos da Europa. Não, eles não têm Messi.  Mas sim, eles têm unidade. Resultado? Prefiro não comentar, pegar minha poltrona e assistir esse que vai ser um jogão. Proust!

leiajaimagens_id_16070

Divulgação

Mais tarde temos ainda o início do campeonato brasileiro e o Inter está na Bahia onde pega o Vitória. Sem Leandro Damião, de Muriel – que será poupado, pois teve o aval para jogar mesmo após a expulsão no Grenal do ano passado, e Fabrício – volta Kleber, Dunga deve apostar em uma das suas maiores armas para vencer esse campeonato (após 34 anos de seca no Brasileirão): regularidade. O time do inter vem sendo escalado de forma uniforme, o que gera um entrosamento que tinha sido perdido na temporada anterior. Se segurar a peteca, vai incomodar na ponta de cima. Afinal de contas, todos nós sabemos que após a troca do sistema do campeonato brasileiro, muitas vezes a regularidade nos pontos vale mais do que um grande plantel desorganizado.

O inter de dunga deve ser: Agenor; Gabriel, Rodrigo Moledo, Juan e Kleber; Airton, Willians, Fred e D’Alessandro; Diego Forlán e Rafael Moura.

Aguardaremos.

Final de semana corrido. Muitas emoções. E a Copa das confederações nem chegou ainda! No domingo nada de “curar a ressaca da quermesse”, afinal é dia de Grêmio.

E nós estamos de olho!


%d blogueiros gostam disto: