Ouro aos merecidos

Janeiro é marcado pela grande festa de gala, na qual os atletas da bola trocam a camiseta por elegantes ternos e vestidos lindos (nós, mulheres). E o evento que aconteceu hoje foi destaque pela postura, delicadeza e emoção de todos os presentes na grande festa da Bola de Ouro.

Não poderia deixar de destacar alguns pontos importantes da “balada”. Não apenas os merecimentos como a grandeza que os gigantes da bola manterão durante a cerimônia. Vamos à eles.

Ouro 1 – A de sempre, pra sempre – Fernanda Lima

FERNANDA LIMA (FOTO: AFP)

FERNANDA LIMA (FOTO: AFP)

Desculpe o nosso bairrismo, mas ela é a musa. Além de linda e elegante, Fernanda é uma mulher inteligente. Não por acaso está presente com frequência nos eventos futebolísticos dos últimos tempos. No sorteio da Copa chamou a atenção pelo seu humilde decote (sexy sem ser vulgar). E hoje brilhava dentro de um elegante longo de renda  verde avaliado na bagatela de R$ 16mil, feito pelo estilista Samuel Cirnansck. Chamou a atenção de todo mundo, mesmo sem estar decotada  – estava até comportada demais, com o traje de manga comprida.

Ouro 2 – Desbancando a Marta – Nadine Angerer

Foto: EFE

Foto: EFE

Não foi dessa vez que o Brasil levou o hexa, Essa façanha só poderia vir das pernas de uma mulher, né? cof cof. De qualquer maneira, a alagoana ficou em terceiro lugar na disputa do prêmio. Quem mandou a taça para casa foi a goleira da Alemanha Nadine Angerer. A atleta se destacou ao defender dois pênaltis contra a Noruega na final da Eurocopa.

Ouro 3 – O choro clássico – Pelé

Foto AFP

Foto AFP

Ok, já estamos acostumadas e acostumados a ver o Pelé ir as lágrimas e dar aquele discurso que todo mundo já conhece. Mas não é que o homem, mais uma vez, levou uma estatueta para casa (dálhe Brasil). O Rei do Futebol recebeu o Bola de Ouro especial da Fifa. A peculiaridade do prêmio se dá pelo fato do troféu, criado pela France Football, eleger e premiar o melhor jogador da Europa. Pelé brilhou por milhares de anos e encantou o mundo inteiro, porém, jogou a vida inteira pelo Santos (e um pouquinho pelo NY Cosmos) e nunca pode conquistar mais esse triunfo.

Ouro 4 – O merecido – Cristiano Ronaldo

Foto: AFP

Foto: AFP

Por último e não menos importante, finalmente Cristiano Ronaldo teve o seu talento novamente reconhecido. Ele brilhou, goleou, suou e depois de quatro anos levou para casa o Bola de Ouro mais uma vez. O bi veio através das suas talentosas atuações e pelos seus 69 gols na temporada de 2013. A sua elegância se via de longe, e a postura ao receber o troféu emocionou não apenas o craque, mas também a todos. Com ele, estava o seu filho junto ao palco para assim tocar no tão sonhado prêmio que elege o melhor jogador do mundo. Desta vez, não teve pro Messi.

Aguardamos ansiosas pelo prêmio do ano que vem. Será que o jovem Neymar poderá ganhar vez?

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: