Gravataí na Serie A do Brasileirão

Para evitar o desgaste de viagem até Caxias, Gravataí poderá ser solução para o Inter durante a longa jornada do Campeonato Brasileiro. O Estádio Antônio Vieira Ramos, o Vieirão, com capacidade para 7 mil torcedores, poderá ganhar arquibancadas móveis, a fim de chegar próximo aos 15 mil lugares, número exigido pela CBF para os locais de disputa do Brasileirão. O Cerâmica já foi consultado  sobre o assunto e deve dar um retorno à Federação Gaúcha de Futebol nos próximos dias.

E o que aconteceu com o Caxias? Problema de deslocamento. O inter acabaria “saindo de casa” todos os finais de semana (e eventuais quartas-feiras). Isso já pode ser percebido no Gauchão, onde o colorado subiu a serra como mandante apenas duas vezes. Em Novo Hamburgo, por exemplo, o Inter já teve o mando de campo por três vezes.

Para ir a Caxias, os jogadores se apresentam por volta das 19h do dia anterior à partida e embarcam em uma viagem de 1h40min de ônibus. A vantagem de Novo Hamburgo é que a concentração ocorre na capital. E a viagem dura apenas 45 minutos. Jogando em Gravataí, o trajeto é de apenas 30 minutos até o Vieirão.

Sou uma defensora de difundir a dupla Grenal no interior. Se fosse viável – evidentemente – os jogos deveriam ser levados para o Interior. E as médias de público durante o campeonato gaúcho me ajudam nessa constatação. Porém, utopias a parte, acho que a logística está contra Caxias. Embora o Centenário seja mais estádio. Gravataí é uma boa opção. E vocês, o que acham?

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: