Agora é tudo pela Libertadores

Emoção não faltou no duelo Tricolor desta noite. Quem foi ao Engenhão prestigiou uma disputa de igual para igual, com duas equipes determinadas a vencer uma partida que valia 6 pontos na briga pelo título de Campeão Brasileiro.

O Grêmio iniciou o jogo indo para cima do Fluminense, ignorando o mando de campo do adversário. Logo aos 6 minutos já havia mandado uma bola na trave, enquanto o Fluminense respondia a pressão, defendendo sua significativa vantagem na tabela. Foi assim durante todo o primeiro tempo, com boas possibilidades de ambos os ataques e grandes defesas de Marcelo Grohe e Diego Cavalieri.

No segundo tempo, o jogo pegou fogo. Quem abriu o placar foram os visitantes, com um belo gol de Elano, numa cobrança de falta na entrada da área do Fluminense. Com o placar desfavorável, os cariocas reagiram logo em seguida. Após cobrança de escanteio, a bola sobrou livre para Digão, que mandou pras redes, deixando tudo igual. Minutos depois, veio a virada do líder. Rafael Sóbis chutou de fora da área e Grohe aceitou: 2 a 1 para o Fluminense.

Marcelo Moreno foi expulso após ficar menos de um minuto em campo – Foto: Edu Andrade/Gazeta Press

Além da vantagem na tabela e no placar, os cariocas também tinham a seu favor o fator local, a torcida e, principalmente, os erros pontuais do Grêmio. Um desses erros acabou mudando o panorama do jogo, quando Marcelo Moreno, recém chegado da seleção Boliviana, saiu do banco de reservas para entrar no segundo tempo. A entrada de Moreno no lugar de Leandro praticamente decidiu o jogo. Ou melhor, a saída dele. Com menos de um minuto em campo, o atacante gremista atingiu Rafael Sóbis com o cotovelo, em sua primeira disputa de bola. Primeira e última. Moreno recebeu o cartão vermelho direto, deixando o Grêmio com 10 em campo e precisando virar o placar.

E o Grêmio não se entregou: após cobrança de falta de Leo Gago, Zé Roberto recebeu de Marquinhos e marcou seu primeiro gol com a camisa do Grêmio. E ficou nisso, o tricolor Gaúcho superou a desvantagem numérica e fez o líder tropeçar em casa. O único motivo para não se considerar o resultado como bom para o Grêmio é o fato do empate praticamente acabar com as pretensões gremistas de encostar na liderança. Com 69 pontos, o Fluminense abriu vantagem de 11 pontos sobre o Grêmio, o que torna improvável alguma ameaça ao título, que se encaminha mesmo para as mãos cariocas.

O Campeonato do Grêmio agora é, oficialmente, a busca pela segunda colocação, que garante a vaga direta para a Libertadores 2013. Essa, aliás, sempre foi a meta estabelecida pelo clube para este ano, mesmo que a possibilidade de título tenha brilhado aos olhos dos gremistas, chegado perto de virar objetivo.

Anúncios

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: