Ladeira abaaaaaaaaixo!

Está cada vez mais dramática a situação do Palmeiras.

Torcedores voltam a protestar contra desempenho do time.

 

Ontem a tarde, com a derrota para o Náutico, o Verdão chegou ao terceiro jogo consecutivo sem somar um pontinho sequer. Desfalcado de importantes jogadores – como Marcos Assunção e Barcos, o time comandado pelo técnico Gilson Kleina teve uma boa atuação dentro dos Aflitos, mas não foi efetivo o suficiente para sair com um resultado positivo na mala.

Mesmo tendo que correr contra o tempo desde os 13 minutos de jogo, quando o Timbu abriu o placar, o Palmeiras não foi um time desesperado pelo empate, tampouco nervoso em campo. As melhores chances foram dos paulistas, mas Luan, Obina e Tiago Real, protagonistas nas oportunidades mais claras, não trataram de concluir com eficiência.

Quando tudo pode piorar, acredite, piora. O Verdão teve um segundo tempo diferente do que havia sido o primeiro. Nervoso e sem conseguir ingressar na área adversária, o time ainda perdeu Thiago Heleno, expulso. Ao Náutico, que cada vez vê mais distante a sombra da zona da degola, só restou administrar o resultado até o trilar do apito.

Aldo Carneiro/Folhapress

18º colocado na tabela do Brasileirão, o Palmeiras precisa de uma arrancada histórica para seguir na série A – semelhante a do Fluminense de 2009. O Bahia, que é o primeiro time fora da zona da degola, com 9 pontos de vantagem em relação ao Verdão, é o próximo adversário.

O resultado do confronto que ocorrerá às 19h30 da próxima quarta-feira, pode reacender a chama de esperança dos palmeirenses ou acabar de vez com qualquer chance de permanecer na elite do futebol brasileiro – uma vitória do time nordestino aumenta para 12 pontos a diferença pro Palmeiras, num universo de apenas sete rodadas restantes.

– Infelizmente estamos colhendo o que plantamos… Reage, Palmeiras. Sempre juntos – escreveu o eterno camisa 12 do Palmeiras e ídolo máximo, o ex goleiro Marcos.

Falando nisso, o jogo de despedida do goleirão está marcado para a segunda semana de dezembro. Já imaginaram que situação, se o rebaixamento do Verdão for confirmado uma semana antes, na última rodada do Brasileirão? É, amigos… E eu que ainda acreditei naquela “reação” que a equipe ensaiou logo na chegada do técnico Gilson Kleina.

Uma resposta para Ladeira abaaaaaaaaixo!

  1. Gabriel P. dos Reis disse:

    Pois é, Molina, com essa derrota e com essa diferença de nove pontos, penso que complicou de vez. Uma pena, pois é mais um grande clube indo pra segundona.

    Belo texto!
    Abraços!
    Gabriel

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: